Tem idade para começar a empreender?

Deixe um comentário

8 de abril de 2014 por Semio Timeni

Sonho_de_empreender

Nos últimos tempos, qualquer livro ou filme de Hollywood que retrate empreendedores vai mostrar um jovem na casa dos vinte anos, jeans e moletom, e cabelos grandes. Sim, vivemos uma época onde a explosão empreendedora tem merecido destaque nas idades mais baixas, em empresas ligadas principalmente à tecnologia, seja na terra de tio Sam ou no Brasil, um país com um dos povos mais empreendedores do mundo.

Mas, pensando bem, tem uma idade certa para se começar a empreender?

Não, não tem. A verdade é que as oportunidades estão latentes no mercado, basta que existam pessoas que não se deixem vencer pelos obstáculos e que queiram dar relevância a seus atos através da geração de emprego e renda para seu povo. Nunca – eu disse nunca! – idade foi impeditivo para empreender. Identificando-se a oportunidade e sabendo fazer o caminho correto, com persistência e comprometimento, metas claras e um bom planejamento, nem idade, nem sexo, nem cor da pele nem religião são impeditivos para se empreender no nosso país.

RayKroc2

São inúmeros os casos de empreendedores que iniciaram seu negócio com 40, 50, 60 anos ou mais! Vou dar três exemplos. O norte-americano de origem Checa Raymond (Ray) Albert Kroc tinha 52 anos quando colocou sua experiência para fundar a maior cadeia de lanchonetes do mundo, o McDonald’s. Antes disto tinha feito de tudo, desde motorista de ambulância a vendedor de copos de papel.

Já o brasileiro Roberto Pisani Marinho era um jovem rico quando seu pai faleceu e o fez ascender aos 21 anos ao posto de presidente do Jornal O Globo, um dos maiores jornais do país. Ao longo da sua vida fundou diversas empresas, e quando muitos já pensavam que ele ia se aposentar, resolveu fundar, aos 61 anos, a maior rede de televisão do hemisfério sul, a Rede Globo.

Evoluir-empreender-nos-negócios1

Sei que alguns podem estar pensando: “nessa época o mundo era outro, as coisas eram mais fáceis…”. Então vamos ao terceiro exemplo, de um potiguar, no ano de 2013. Com uma bela história de vida empreendedora, construída ao longo de mais de 4 décadas de trabalho, onde cultivou empresas em áreas tão diferentes quanto construção, hotelaria ou radiodifusão, Haroldo Cavalcanti de Azevedo poderia com todo direito pensar em parar de trabalhar…

Mas porque não empreender? Enxergando uma oportunidade no crescente mercado americano de água de coco, ele resolveu criar a Just Coco, uma água de coco 100% brasileira. A Just Coco, com poucos meses de vida, já é vendida por grandes distribuidores daquele país, gerando emprego e renda tanto nos EUA como no nordeste do Brasil, de onde sai sua produção.

A verdade é que as oportunidades estão aí, no mercado, esperando por alguém para atende-las. Não é uma tarefa fácil – talvez por isto seja tão gratificante! – mas empreender pode ser a resposta para muitos que sonham em realizar (-se!). O contexto atual é de idades cada vez mais avançadas. Que tal pensar em empreender? Como já dizia o escritor francês Robert Brasillach “cada idade tem a sua beleza e essa beleza deve sempre ser uma liberdade”. Pense nisso. Bom trabalho. Sucesso!

_____________________________________________

Semio Timeni Segundo é Business Coach

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: