Artigo – Que venha a tecnologia!

Deixe um comentário

17 de agosto de 2013 por Semio Timeni

9940.preview

 

Henry Ford II, neto do Henry mais famoso, foi durante 35 anos o líder maior da montadora fundada por seu avô. Durante sua gestão como presidente a companhia se tornou uma das maiores empresas do mundo na área automotiva. Conta a lenda que HF2, como era conhecido, circulava na década de 1960 entre os robôs recém implantados numa fábrica da Ford em Detroit na companhia de um líder sindical com quem ele mantinha ótimas relações. Bonachão, HF2 passeava entre os corredores enquanto explicava as vantagens daquelas máquinas revolucionárias, que substituíam centenas de homens e podiam trabalhar 24 horas por dia. Brincalhão, provoca o amigo:

— Como vocês farão para convencer os robôs a pagarem taxas sindicais?
E ouve a resposta:
— Acho que você deveria pensar como vai fazer para convencer os robôs a comprarem seus automóveis!

Passados mais de 50 anos deste caso, e com um avanço estupendo na tecnologia, vemos cada vez mais atividades serem automatizadas, e cada vez mais pessoas serem substituídas por máquinas. E o que o futuro nos reserva? Com certeza, mais tecnologia, mais automação e mais funções deixando de existir. E isto é ruim ou é bom?

Depende, principalmente, como vamos encarar o fato de que as pessoas precisam trabalhar para poder comprar carros, roupas, comidas, enfim, adquirir tudo aquilo que as máquinas vão produzir. Porque de nada adiantará tanta tecnologia se vivermos num país – ou em um planeta? – incapaz de gerar emprego para os milhões de jovens que entram no mercado de trabalho ano a ano, só para ficar em um exemplo.

Muitos consultores e especialistas em antecipar o futuro reconhecem a dificuldade de se prever o que vai acontecer no mundo dos negócios num prazo maior que 5 anos. Mas a sua maioria é unânime em apontar que a saída passa pela Educação. Comparando com a seleção natural na Biologia, somente a Educação tem o poder de ajudar o ser humano a adaptar-se aos novos tempos no mundo dos negócios.

duvida-emprego

E, mais do que isto, as empresas no futuro terão que se preocupar fortemente com os componentes de inclusão socioeconômica. O que quero dizer? Deixe-me dar um exemplo: atualmente nos Estados Unidos se discute o processo de regularização de milhões de imigrantes ilegais e seus familiares. Por que? Entre diversos motivos, um atinge diretamente a capacidade de crescimento da economia. Em estados como a Florida, a falta de mão de obra para exercer determinadas funções já é uma realidade. Muitas empresas simplesmente não conseguem contratar funcionários, porque estes não tem documentação. Ou ainda muitos jovens, que imigraram com seus pais, e receberam educação formal – é a lei naquele estado – não podem ingressar em universidades porque não tem documentos. Nunca tiveram. É como se não existissem.

Assim, grandes empresas americanas estão contribuindo fortemente para a educação destes jovens, estruturando ensino de qualidade enquanto os poderes discutem leis para autorizar a legalização. Inclusive Educação Empreendedora, base fundamental na criação de negócios prósperos e sadios, como aqueles que utilizarão a tecnologia no futuro! Estão, em outras palavras, plantando a mais rica das sementes: a educação no seio dos jovens!

Porque de nada adianta a tecnologia se não tivermos gente empreendedora para gerar emprego e renda!  Assim, que venha a tecnologia! Mas que cada um de nós estejamos atentos que robô não compra carro! Pense nisso. Bom trabalho! Sucesso!

Semio Timeni Segundo – Mestre em administração, consultor e coach

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Insira seu email para receber atualizações do Blog:

%d blogueiros gostam disto: